terça-feira, 5 de dezembro de 2017

7 coisas que pessoas fazem para parecerem mais 'espirituais'



Você já ouviu alguém dizer que é um "tipo espiritual de pessoa"?

Ou que acredita em "energia" e "vibrações superiores"?

Sim, graças à popularidade da atenção plena e da psicologia positiva, a espiritualidade explodiu no mundo ocidental.

Mas essas pessoas são realmente mais esclarecidas do que o resto de nós? Não exatamente. 



Aqui está o porquê: 

1) Elas se envolvem em práticas "espirituais" para se sentirem superior a você


Sim, a motivação por trás da meditação e do yoga não é paz interior. É para se sentir melhor do que você.

Nem todos os que meditam são assim, mas é incrivelmente fácil isso se tornar uma experiência satisfatória para o ego - acreditar que você é simplesmente mais sábio e espiritual porque você se envolve no que é considerado uma atividade espiritual.

Este tipo de pensamento restringe a espiritualidade autêntica porque você acaba confiando mais no ego e menos em se conectar com você e com os outros. 


2) Elas julgam quem expressa emoções negativas, como raiva 



Elas acreditam que emoções como raiva e ansiedade são "vibração mais baixa" e inferiorizam quem as tem.

A verdade é que a raiva e a ansiedade são emoções humanas naturais e são uma resposta útil a muitas circunstâncias diferentes.

Podem ser um indicador útil de que algo precisa ser alterado em você mesmo ou em seus relacionamentos. 

Então, o que acontece? 



Acreditando que elas têm que permanecer positivas 24/7, estas pessoas acabam reprimindo emoções negativas e ficando menos conectados com quem elas realmente são. 

3) Adotam novos passatempos simplesmente porque são a nova "moda espiritual" 



É a natureza humana querer se encaixar. Todos nós precisamos sentir que pertencemos a algum grupo.

E para muitas pessoas, a espiritualidade é simplesmente uma coisa legal a que elas querem pertencer. É por isso que imediatamente se envolvem em ioga, meditação, festivais de música etc.

No entanto, se você está apenas fazendo isso para se encaixar ou ser legal, você está se negando a uma chance de participar de experiências espirituais autênticas. 

4) Elas usam "espiritualidade" para justificar o uso excessivo de drogas  



Não é segredo que drogas psicodélicas possam, na ocasião, levar a uma maior espiritualidade.

Embora isso seja ótimo, algumas pessoas usam essa desculpa para racionalizar o uso constante de drogas.

No entanto, o vício dessas substâncias é simplesmente outro apego. E, como qualquer vício, certamente há efeitos colaterais negativos. 

5) Elas acreditam que a positividade irá resolver os problemas do mundo 



Ok, talvez não TODOS os problemas do mundo, mas esse tipo de pessoas usa a frase "apenas seja positivo" com muita frequência.

O movimento de positividade é extremamente popular nos dias de hoje. Embora existam benefícios para ser positivo, os aspectos mais difíceis e duradouros da vida ainda estarão lá no final do dia.

Na verdade, ao negar as emoções negativas, você se torna menos consciente de si mesmo e dos outros.

A verdadeira espiritualidade significa abraçar TODAS as suas emoções e tornar-se mais consciente de si mesmo e dos outros. 

6) Elas se sentem auto-detestados quando confrontam os aspectos negativos de si mesmas 



Por se envolverem em práticas espirituais que deixam um sentimento de superioridade, torna-se difícil aceitar falhas.

E é compreensível. Na espiritualidade, as pessoas que você deve idolatrar são gurus como o Buda ou o Dalai Lama, que aparecem como se fossem seres humanos perfeitos.

Então, quando você comete erros ou tem fraquezas, você sente que não é "bom o suficiente".

Mas ninguém é perfeito, nem mesmo esses gurus espirituais. Todos somos humanos e todos cometemos erros.

Um comportamento mais gratificante e satisfatório é aceitar esses erros e aprender com eles. 


7) Elas querem que as práticas espirituais sejam corretas, de modo que ignoram a ciência inteiramente  




Há uma grande tendência anti-ciência na comunidade espiritual. Por quê? Porque muitas das práticas consideradas valiosas na espiritualidade são tratadas como pseudociências dentro da comunidade científica.

Isso não significa que não haja valor para essas práticas. É só que a validade não tenha sido encontrada em experiências científicas.

O método científico é uma ótima ferramenta para entender o mundo que nos rodeia e permitiu a nossa sociedade progredir de maneiras surpreendentes.

E de qualquer maneira, como Carl Sagan disse há anos, a ciência é realmente uma fonte profunda de espiritualidade:



"A ciência não é apenas compatível com a espiritualidade; é uma fonte profunda de espiritualidade. Quando reconhecemos nosso lugar em uma imensidade de anos-luz e na passagem dos tempos, quando percebemos a complexidade, a beleza e a sutileza da vida, então esse sentimento crescente, essa sensação de exaltação e humildade combinada, é certamente espiritual. Assim como nossas emoções na presença de ótima arte, música ou literatura, ou de atos de coragem altruísta exemplar como os de Gandhi ou Martin Luther King Jr. A noção de que a ciência e a espiritualidade são, de algum modo, mutuamente exclusivas, faz um desserviço para ambos."








Fonte: The Power Of Ideas 
VIA: Notícias Alternativas

57 Nações Islâmicas convocam cupula de emergência prevendo o reconhecimento de Jersualém como capital de Israel por Donald Trump

https://2.bp.blogspot.com/-rl4UvKhzVl4/WiV1TMEd3aI/AAAAAAAAQxE/7YQWBZRdYFAyCiwcE6P9CoGSycaxXlwaACLcBGAs/s1600/OCI.jpg
Jerusalém torna-se cada vez mais uma "pedra pesada". Já assim foi profetizado há 2.500 anos.

O polêmico anúncio de que Trump irá nesta próxima quarta-feira confirmar o reconhecimento de Jerusalém como capital de Israel está a gerar enormes ondas de contestação e até de ameaças de uma nova Intifada.

A "Organização da Cooperação Islâmica" acabou de convocar as 57 nações muçulmanas que fazem parte da organização para uma cúpula, caso o presidente norte-americano acabe por anunciar o reconhecimento de Jerusalém como capital de Israel.

Nesta próxima quarta-feira o presidente norte-americano tem diante de si este dilema, e, apesar de o ter anunciado na sua campanha eleitoral, a oposição interna e externa a tal decisão cresce de minuto a minuto, prevendo-se um aumento da violência em Israel caso o reconhecimento se confirme.

Os 57 países membros da organização muçulmana irão esta noite reunir-se de emergência em Jeddah, na Arábia Saudita: "Se os Estados Unidos derem o passo de reconhecerem Jerusalém como a assim chamada capital de Israel, recomendamos unanimemente a convocação de uma reunião ao nível de conselho de ministros dos Negócios Estrangeiros, seguida de uma cimeira islâmica o mais rapidamente possível."

A "OCI" alertaram também que o reconhecimento de Jerusalém ou o estabelecimento de qualquer missão diplomática na cidade em disputa será visto como "um claro ataque contra as nações árabes e islâmicas."

Abbas apela à mobilização geral
O movimento Fatah associado ao líder palestino Mahmoud Abbas apelou entretanto a uma mobilização geral dos palestinos no caso de Trump reconhecer Jerusalém como capital de Israel.

O governo turco alertou entretanto o presidente norte-americano para não dar o anunciado passo, prevendo que a acontecer, tal decisão iria gerar "um desastre."

Passo a passo, o anunciado está tomando o lugar no plano profético... 
 

segunda-feira, 4 de dezembro de 2017

O que está acontecendo com Jim Carrey?





Jim Carrey andou fazendo manchetes recentemente pelo seu estranho comportamento. No último New York Fashion Week, em setembro, o ator deu uma entrevista bastante bizarra que viralizou na Internet e fez todo mundo questionar seu estado mental.

Não foi uma única vez, mas em outras ocasiões recentes, Jim Carrey andou abordando assuntos esdrúxulos, como existencialismo e esoterismo.

Aparentemente, nos últimos dois anos, sua vida teve uma grande reviravolta, especialmente após o suicídio de sua namorada em 2015.

Agora, o ator está sendo processado por ser possivelmente o responsável pela morte dela. Todo esse comportamento estranho em frente às câmeras, seguido de uma vida conturbada e críticas da mídia, parece ser o sintoma clássico de uma vítima monarca "acordando do sono" da programação MK.  


Mas o que será que está acontecendo com Jim Carrey? 
   

       

FONTE: KNOWLEDGE IS POWER

LIBERDADE DE EXPRESSÃO

É importante esclarecer que este Site, em plena vigência do Estado Democrático de Direito, exercita-se das prerrogativas constantes dos incisos IV e IX, do artigo 5º, da Constituição Federal. Relembrando os referidos textos constitucionais, verifica-se: “é livre a manifestação do pensamento, sendo vedado o anonimato" (inciso IV) e "é livre a expressão da atividade intelectual, artística, científica e de comunicação, independentemente de censura ou licença" (inciso IX). Além disso, cabe salientar que a proteção legal de nosso trabalho também se constata na análise mais acurada do inciso VI, do mesmo artigo em comento, quando sentencia que "é inviolável a liberdade de consciência e de crença". Tendo sido explicitada, faz-se necessário, ainda, esclarecer que as menções, aferições, ou até mesmo as aparentes críticas que, porventura, se façam a respeito de doutrinas das mais diversas crenças, situam-se e estão adstritas tão somente ao campo da"argumentação", ou seja, são abordagens que se limitam puramente às questões teológicas e doutrinárias. Assim sendo, não há que se falar em difamação, crime contra a honra de quem quer que seja, ressaltando-se, inclusive, que tais discussões não estão voltadas para a pessoa, mas para idéias e doutrinas.

DIREITOS AUTORAIS

Todas as imagens, vídeos e coisas do gênero que aparecem no site são reproduções de outros sites e midiaglobalista.blogspot.com.br/ não reivindica nenhum crédito para si, a não ser que seja propriamente original e criado por nós sem o envolvimento de conteúdo de outros. Se você (ou sua empresa) possui os direitos de alguma imagem e não quer que ela apareça no midiaglobalista.blogspot.com.br/ favor entre em contato pelo e-mail: midiaglobalista@gmail.com e ela será prontamente removida.

ART.220

Art. 220. A manifestação do pensamento, a criação, a expressão e a informação, sob qualquer forma, processo ou veículo não sofrerão qualquer restrição, observando o disposto nesta Constituição. Constituição Federal do Brasil (1988)

No Ar

Blog inaugurado dia (27/07/2013)



Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...